Mais uma etapa da Pick-up… digo… Fiak Racing

fiak

MENDONÇA F#DE PROVA DE MEIO MUNDO

Como diriam na vinheta da Sessão da Tarde: foi uma corrida “de muitas confusões e aventuras”

Após um longo período de hibernação, a gloriosa FIAk retornou às pistas nesta quinta-feira, para a realização de uma de suas já famosas e pouco requintadas corridas noturnas.

Desta vez, o palco do espetáculo foi o traçado de Interlagos do Planeta Kart, em Guarulhos, local de fácil acesso, mas péssima sinalização: se você não prestar atenção, pode parar no Rio de Janeiro, ou em Belo Horizonte.

A prova, batizada neste momento pelo redator deste texto como GP Zoião, foi marcada pelo olho grande de Tiago Mendonça, o primeiro piloto a ser desclassificado na história da FIAk. Feito que merece até mais destaque que a vitória de Cassio Cortes.

Largando em terceiro, o “Mr. International Speed” venceu sem problemas, com uma vantagem de quatro segundos para o concorrente Bruno Terena, que  liderava, mas chegou a ficar um tempo parado na pista, ao ser atingido por Mendonça, mas os sensores do kart não detectaram problemas e o babaca chegou em segundo. “Mendonça ‘Riberou’ e me jogou nos pneus. Depois, eu estava puto e bati com o Grun. Aí saí do kart”. Ou seja: o resultado foi arrumado.

Na terceira posição, o destaque da corrida. Bruno Vicaria largou em quinto, passou o segundo colocado no grid, Luiz Alberto Pandini, após o mesmo se enroscar com um retardatário e ser, na sequência, punido por culpa de, adivinhem, Mendonça. “Como sei que o Terena está na comissão da FIAk e sei que não vai dar em nada meu protesto, aproveito o ensejo para chamá-lo de babaca”, disse Vicaria, que foi até a direção de prova buscar o volta-a-volta, mas isso não existia mais…

“Mendonça que bate e eu que sou punido”, bradou Pandini. Aliás, a corrida foi digna de uma Pick-up Racing. Depois da corrida, foi um festival de discussões, que são o objetivo deste encontro de diversão e confraternização. João Alberto Otazú foi o quarto. É tudo o que eu lembro, já que deixei o papel em casa. Mas o importante é: Rodrigo França foi mal.

E, só pelo fato de Vicaria ter ido ao pódio, não teve foto do pódio. Tudo, claro, culpa de Mendonça.

Alegria durou pouco…

Luciano Monteiro avisa: “Zoião teve de ser submetido às pressas a uma nova cirurgia cardíaca. Saiu do centro cirúrgico à 1h. Situação crítica. Chamaram toda a família ao hospital. É rezar.”

Vamos torcer e esperar. É a única coisa que podemos fazer…

Zoiao e Mariana

Zoião e a filha Mariana

Para fechar a noite

Depois do terceiro lugar na etapa desta quinta-feira da FIAk _que era para ser segundo, já que o babaca do Terena confessou ter cometido um erro _, vai um videozinho para encerrar o dia dando umas boas risadas. Esse pastor aí fala tanto de cocô que eu acho que comeu um belo prato antes desse culto!

Acabou a operação! – atualizado

Zoião passa bem! Deu tudo certo na cirurgia cardíaca! Vamos festejar!

Ainda não acabou a saga, mas este foi, certamente, um grande passo!

Reproduzo o que diz o amigo/plantonista Luciano Monteiro sobre a cirurgia em seu blog, cujo link pode ser encontrado na lista ao lado: “Foram quase cinco horas de intervenção, para colocação de próteses metálicas de duas válvulas.”

“E os médicos que o operaram seguem atentos ao risco de mais sangramento nas 24 horas seguintes à intervenção cirúrgica. Há risco, também, da infecção – que não foi completamente debelada – comprometer as válvulas metálicas implantadas em substituição à bicúspide e à aórtica. Caso isso ocorra, relata Ana Maria, pode ser necessária uma nova substituição.”

“Zoião ficará por mais três dias na UTI do Hospital Nossa Senhora da Salete, em Cascavel, antes de ser reacomodado no quarto, onde deverá permanecer por cerca de uma semana. Os médicos admitem, também, o risco do fotógrafo ter de se submeter a diálises periódicas por algum tempo após a alta médica. Trocando em miúdos, sua recuperação será certamente causticante, mas o pior já passou.”